Irmão afirma que vai se casar com sua irmã após 11 anos de namoro escondido

    0
    317

    Miguel Oliveira e Andreia Pimenta assumiram o namoro há três anos. O piloto e a dentista vão dar o próximo passo já em 2020

    O relacionamento de um casal caiu como uma bomba no MotoGP após o famoso piloto Miguel Oliveira relatar que vai se casar com sua irmã de criação, identificada como Andreia Pimenta, de 24 anos. De acordo com o piloto, ambos vão se casar em breve e já até marcaram a data do casamento.

    Miguel relatou que tem um relacionamento com sua irmã de criação há 11 anos. O piloto disse que conhece Andreia desde que ela tinha 13 anos.  

    “Hoje, em uma situação muito importante de nossas vidas, me ajoelhei diante dela. Sim, era à moda antiga e ela disse sim”, escreveu Oliveira no perfil do Instagram, demonstrando seu profundo amor pela sua futura esposa.

    Andreia, que é dentista, é filha de Cristina, segunda esposa de Paulo, pai do piloto. Porém, ela não é filha biológica de Paulo. Ela e outro irmão são frutos do relacionamento anterior de sua mãe com outro homem. Contudo, ainda criança, Andreia começou a ser criada pelo pai de Miguel Oliveira, hoje seu noivo

    O pai do casal relatou que ficou feliz após o casal anunciar o casamento e que sabia que os filhos tinham um relacionamento escondido. “Fico feliz que meu filho se case com a mulher da sua vida”, disse o pai do casal

    Enquanto isso, o pai de Andreia e Miguel falou sobre seus sentimentos ao saber que seus filhos guardavam um romance escondido há tanto tempo.

    Em uma entrevista dada pelo piloto a um programa de TV, Miguel relatou como começou a se relacionar com sua irmã de consideração.

    “Antes do amor havia uma grande amizade. Nós crescemos juntos. A certa altura percebemos que era mais do que uma amizade, é um amor muito forte”, disse o piloto que também tem 24 anos.

    Por fim, o piloto disse que eles iriam se casar neste ano, mas uma corrida impediu o casamento. “Íamos casar este ano, mas naquele fim de semana fiz uma corrida e tivemos de adiar para o próximo ano (para 2020)”, disse o piloto, recente vencedor do Grande Prêmio da Estíria na Áustria.

    DEIXE SEU COMENTÁRIO

    Enviar comentário!
    Digite seu nome completo