Polícia Federal devolve mandado cumprido com prisão do presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson

    0
    343

     Mandado do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal

    BRASIL | Alessandra Garcia

    13/08/2021 – 08H25 (ATUALIZADO EM 13/08/2021 – 09H46)

    Mandado de prisão do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Ele também Mandou bloquear conteúdos postados por Jefferson em redes sociais e apreender armas e acesso a mídias de armazenamento. Nos últimos anos, já sem mandato parlamentar, Roberto Jefferson se aproximou do presidente Jair Bolsonaro. Em suas redes sociais, começou a postar fotos com armas. O armamento da população é uma das principais causas do presidente.

    O ex-deputado foi o pivô do escândalo do mensalão, em 2005, e a partir de uma entrevista dele ao jornal “Folha de S. Paulo”, o país tomou conhecimento das denúncias de que o governo do então presidente Luiz Inácio Lula da Silva passava dinheiro a deputados da base. Em novembro de 2012, no julgamento do mensalão no STF, ele foi condenado a 7 anos e 14 dias de prisão, pelos crimes de lavagem de dinheiro e corrupção passiva

    Minutos antes de ser preso, Roberto Jefferson voltou a atacar Moraes por causa da ordem de prisão. No post, ele afirmou que o Supremo repete ações vistas na Venezuela, que teria punido os conservadores para “entronizar os comunistas”.

    DEIXE SEU COMENTÁRIO

    Enviar comentário!
    Digite seu nome completo