QUEIXADA OU SEJA JAVALI MATA CAÇADOR MILIONÁRIO QUE O FERIU AO DISPARAR A ARMA

    0
    641

    Um homem de 74 anos morreu na sequência de um ataque de javali, em Castelleto d’Orba, na cidade de Alessandria, na província de Génova, Itália.

    Por Portugal noticia 28/09/2021 as 08h00

    Segundo informações preliminares na imprensa local, o homem feriu o animal no casco ao disparar e, em vez de fugir, o javali acabou por atacá-lo, atirá-lo ao chão e feri-lo na artéria femoral.

    Apesar dos esforços do grupo que o acompanhava, o caçador, identificado como Lázaro Valle, morreu, após ser transferido de helicóptero para o hospital de Alessandria, devido à gravidade da hemorragia causada pelas presas do javali.

    A morte de Valle surge dias depois da morte de outro caçador, de 58 anos, em Perosa Argentina, em Torino, no sábado, 11 de setembro. Neste caso, a lesão foi provocada por um tiro acidental da espingarda da vítima, que se encontrava na floresta da Chinasca com um amigo e que, ao percorrer um caminho, perdeu o equilíbrio, caindo sobre a arma carregada, que disparou o tiro fatal.

    O javali também pode causar impactos sociais e econômicos, por meio do ataque a seres humanos e
    a animais domésticos, dos cruzamentos indevidos com porcos e da destruição de plantações em áreas
    agrícolas,

    O javali (Sus scrofa) é um tipo de porco selvagem, originário da Europa, Ásia e norte da África
    e foi introduzido em diversas regiões do mundo
    como animal de criação para consumo. O animal
    adulto possui presas e pelos longos e de cor preta; já o jovem possui listras longitudinais marrom
    avermelhada com preto. Seu comprimento é de
    aproximadamente 1,3m e pesa aproximadamente 80Kg, sendo que javalis miscigenados com
    porco doméstico possuem maior porte e podem
    pesar até 250Kg

    Os queixadas e catetos são animais silvestres nativos do Brasil, não podem ser abatidos, conforme Lei nº 9.605, de 12 de fevereiro de 1998:
    “ É crime matar, perseguir, caçar, apanhar, utilizar espécimes da fauna silvestre, nativos ou
    em rota migratória, sem a devida permissão,
    licença ou autorização da autoridade competente, ou em desacordo com a obtida.” a informamos que feri o animal Brasileiro ele, em vez de fugir, o queixada ou cateto acaba por atacando, que atirá e não mata e se um da especie ficar ferida em um eventual caça a manda come o queixada ferido. E se o caçador não correr a manda derruba e come o caçador.

    DEIXE SEU COMENTÁRIO

    Enviar comentário!
    Digite seu nome completo