Ex-ministro Pazuello troca de cargo na Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência

    0
    348
    Covid-19: 354 milhões de doses estão asseguradas em 2021, diz Pazuello |  Agência Brasil

    General passou de secretário de Estudos Estratégicos para assessor especial da SAE. Ele deixou Ministério da Saúde em março e assumiu cargo no Planalto três meses depois.

    Por JORNAL ESPERANÇA BRASIL — Brasília

    01/10/2021 16h57  

    O general Eduardo Pazuello, ex-ministro da Saúde do governo do presidente Jair Bolsonaro, trocou de cargo na Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República (SAE).

    A nomeação do militar como assessor especial da SAE foi publicada em edição extra do “Diário Oficial da União” nesta sexta-feira (1º). Antes, Pazuello era secretário de Estudos Estratégicos do órgão, que funciona no Palácio do Planalto.

    Na nova função, Pazuello segue subordinado ao almirante Flávio Rocha, atual secretário de Assuntos Estratégicos. O militar trabalha no órgão vinculado ao Planalto desde junho.

    A mudança ocorreu após o governo, na terça-feira (28), reformular estruturas do órgão. A Secretaria de Estudos Estratégicos deixou de existir, junto com a Secretaria de Planejamento Estratégico. O governo criou no lugar uma Diretoria de Projetos Estratégicos.

    Na prática, o salário de Pazuello deve seguir inalterado – a mudança não representa promoção nem rebaixamento na estrutura do órgão.

    Saúde

    Apesar de ser elogiado com frequência por Bolsonaro, Pazuello foi demitido do cargo de ministro da Saúde em março deste ano, após quase um ano à frente da pasta. Ele foi substituído pelo médico Marcelo Queiroga, que segue no comando do ministério.

    A gestão do general foi marcada por apoio ao uso de medicamentos comprovadamente ineficazes contra a Covid, crise de abastecimento de medicamentos e oxigênio e recorde de mortes pela pandemia no país.

    O militar foi o terceiro dos quatro ministros da Saúde nomeados por Bolsonaro durante a pandemia de Covid. Pazuello não tinha experiência prévia em saúde pública quando assumiu o ministério.

    DEIXE SEU COMENTÁRIO

    Enviar comentário!
    Digite seu nome completo