LULA CONSIDERA ARCEBISPO EMÉRITO “UM EXEMPLO” NA LUTA CONTRA O APARTHEID

0
261

Por redação ás 06h21

“O bispo Desmond Tutu foi um exemplo de fé, perseverança e compaixão na luta contra o Apartheid, junto a Nelson Mandela e ao CNA (Congresso Nacional Africano)”, destacou Lula numa mensagem publicada no domingo na sua conta da rede social Twitter.

“A sua vida deixa um legado de luta pela justiça social e racial para o mundo inteiro”, acrescentou.

Desmond Tutu, arcebispo emérito sul-africano e vencedor do Prémio Nobel da Paz de 1984 pelo seu ativismo contra o regime de segregação racista do Apartheid, morreu no domingo aos 90 anos, na sequência de um cancro da próstata, na Cidade do Cabo.

O funeral do arcebispo anglicano sul-africano vai realizar-se no próximo sábado na Catedral de São Jorge, a sua antiga paróquia na Cidade do Cabo, anunciou hoje a sua fundação.

“Os preparativos para uma semana de luto estão na sua fase inicial”, disse a fundação através de uma declaração, acrescentando que “vários eventos foram confirmados para a próxima semana, que antecede o funeral do arcebispo, no sábado, 01 de janeiro de 2022”.

O arcebispo anglicano estava debilitado há vários meses, durante os quais não falou em público, mas ainda cumprimentava os jornalistas que acompanhavam cada uma das suas saídas recentes, como quando foi tomar a sua vacina contra a covid-19 num hospital ou quando celebrou os seus 90 anos em outubro.

Desmond Tutu: Funeral marcado para o próximo sábado na Cidade do Cabo

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Enviar comentário!
Digite seu nome completo